terça-feira, 15 de setembro de 2015

Olha o que acontece com quem cuida de vida humana

COLUNA/FLAGRANTE - Emblemática a cara do regime dos "comunistas" em Coroatá. No regime "comunista" do Malvadino, do governador do Maranhão Flávio Dino, do PCdoB, olha o que acontece com quem cuida de vida humana. Flagrante que deve repercutir no Estado inteiro - condutor de ambulância da UPA obrigado a lavar veículos ao invés do repouso necessário, pondo em xeque a confiabilidade do serviço de transportes de pacientes maranhenses em sua maioria sob situação grave de saúde.

O flagrante foi capturado hoje pela tarde (foto acima). Uma cena jamais vista na gestão do então secretário de Estado da Saúde Ricardo Murad. Ex-funcionários garantiram que havia convênio com Lava Jato para a limpeza das ambulâncias e carros de apoio. Os motoristas apenas organizavam o seu apetrecho de trabalho dentro das ambulâncias e eram liberados quando não havia ocorrência de viagens.
   Foto/Divulgação
Segundo a denúncia, na UPA de Coroatá tudo mudou para pior. Na linguagem popularesca, funcionários andam pianinho, conforme a música. Até o jardim está todo mal cuidado. A própria placa do programa Saúde É Vida foi arrancada.

   Foto: Na gestão de Ricardo Murad era assim