quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

A PUREZA DO JOVEM - O desabafo de uma maranhense

Por EMANUELA QUEIROZ CARNEIRO - Eu nunca vendi meu voto... Em 2010, quando votei pela 1 vez aos meus 16 anos, tive o prazer de votar. Sempre estou decida em quem votar. Então nunca vendi o meu voto! Tenho orgulho de mim, pois, nunca trabalhei fazendo boca de urna. Conheço bem o resultado final dessa história. #corrupçãonaprefeitura #consequênciasgraves!!!.

Mas é claro que têm muitas pessoas que ainda aceita faz boca de urna para ganha dinheiro e corromper outras pessoas. Isso eu vi muito nas eleições mais #sujas de #açailândia em 2016. Vi pessoas nas portas das escolas fazendo boca de urna.

Então antes de você perdi mudança dos políticos #mude vocês! dizendo #nãooooooo! Assim você vai #muda os #políticos. Saiba enquanto você #aceita o #dinheiro #deles, eles #vão te #roubar para #repor aquele #dinheiro foi #entregue a #você. Como eles vão fazer isso??? #desviando verba...
___________________
*EMANUELA QUEIROZ CARNEIRO, estudante